Chat Online

Por que você deve fazer o exame audiometria?

Você sabe o que é e como é feito o exame audiometria? Leia o post e saiba mais sobre o assunto!

Cuidar da saúde também inclui se atentar quanto aos problemas que podem afetar de alguma forma a audição, como a perda auditiva. Nesse sentido, uma ferramenta importante utilizada pelos especialistas é o exame audiometria, que avalia a capacidade do paciente para ouvir e interpretar sons, verificando possíveis alterações. 

E você, o que já sabe sobre o exame audiometria? Neste post falaremos um pouco mais sobre esse procedimento, como ele funciona, quais são os seus tipos, quando e para quem é indicado, entre outros fatores. Vamos conferir? 

O que é o exame audiometria?

A audiometria, como citamos, é um exame utilizado para avaliar a audição. Por meio dele são detectadas possíveis anormalidades e alterações auditivas, permitindo que o médico especializado ou o fonoaudiólogo oriente o paciente sobre medidas preventivas e tratamentos. Existem dois tipos diferentes do procedimento:

  • audiometria tonal, que avalia as respostas do paciente aos tons puros, emitidos em diversas frequências. Dessa forma, é possível detectar o grau e o tipo de perda auditiva;

  • audiometria vocal, que avalia a capacidade de compreender a voz humana. Aqui o paciente demostra a sua percepção e compreensão da voz humana emitida pelo examinador.

Como ele funciona?

No exame audiometria, que tem duração aproximada de 40 minutos, o paciente é colocado dentro de uma cabine acústica (projetada para otimizar a qualidade do procedimento) livre de ruídos e sons do ambiente. Há uma parede de vidro pela qual o especialista pode acompanhá-lo. 

Para começar, o paciente coloca um fone de ouvido acoplado a um pequeno microfone. Ao ouvir um estímulo sonoro emitido pelo examinador, deve apenas levantar uma das mãos (ou fazer outro sinal gestual combinado previamente entre os dois), sinalizando o lado em que ouviu esse estímulo. 

Já para testar a via óssea é posicionado um vibrador ósseo sobre o osso mastoide. Por fim, para a audiometria vocal, o examinado deve repetir as palavras ditas pelo examinador. 

O resultado do exame audiometria é geralmente expresso em um audiograma — gráfico que informa as respostas do paciente sobre os diversos sons emitidos. Em caso de perda auditiva, torna-se possível determinar a necessidade de usar ou não um aparelho auditivo, bem como o tipo mais adequado para cada pessoa. 

Em outros casos, o procedimento ajuda a estabelecer um diagnóstico e as opções de tratamento, já que são inúmeras as causas possíveis para as anomalias auditivas.

Quando o exame audiometria é indicado?

O exame audiometria é indicado diante da necessidade de avaliar a capacidade auditiva do paciente, ou seja, quando existem suspeitas de anormalidades, traumas, tímpano rompido, infecções, histórico familiar de perda auditiva, uso excessivo de medicamentos, entre outras condições. Ele também pode ser realizado em consultas médicas ocupacionais, tanto de admissão quanto periódicas. 

Viu como um procedimento simples e indolor, como o exame audiometria, pode prevenir diversos problemas auditivos e auxiliar no tratamento de outros? Sendo assim, o mais indicado é se consultar com um profissional com frequência para possibilitar um diagnóstico mais rápido e evitar danos à saúde. 

Gostou de conhecer um pouco mais o exame audiometria? Então, aproveite para curtir agora mesmo a nossa página no Facebook e seguir no Instagram para continuar sempre por dentro de conteúdos como este!